30.04.09

Cheguei ao ponto em que nem palavras mais tenho para poder dizer aquilo que vai dentro de mim. Analisando os últimos quatros anos da minha vida, a sensação que tenho é que deixei de viver. Dei demais a um trabalho e a um projecto em que me envolvi como se fosse meu e claro que o resultado foi mau, péssimo, nada do esperado. Acreditei em pessoas que apenas mentiram. Vi amigos partir. Vou despedindo de outros que começam também a desertar. Olho à minha volta e parece que nada do que faço resulta bem. A minha própria relação deixa transparecer isso: o resultado do eu tentar dar o melhor de mim é ele sentir-se pressionado e achar que talvez o queira moldar e tornar noutra pessoa que eu também não sei quem é porque não era nada disso nem eu nunca quis moldar ou pressionar ninguém.

Os meus amigos.............................................Os meus amigos? Sobre isso é melhor nem falar porque sobram-me dedos para contar os amigos e ainda me sobram mais para contar os que por aqui ficaram.

Só queria viver em paz e ser feliz. Só queria que as pessoas deixassem de ser mesquinhas e preocupadas com assuntos menores. Só queria acordar num outro mundo que não este....


28.04.09

Até chorei de raiva quando me apresentaram a factura da compostura da caldeira Roca: 55 euros para mudar uma merda de uma peça que custa 10 euros e que qualquer sapateiro era capaz de meter. Incrível, incrível esta merda deste país.


 Os bancos devem ter alterado o seu modo de funcionamento e não quiseram dar conta disso aos clientes. Esta é a única explicação possível para o tratamento de que tenho sido alvo no meu banco de sempre - o Montepio.

Antigamente estava lá um funcionário muito simpático que me resolvia a vida em tempo útil e com o máximo de eficiência possível. Como sinto a falta dele.... 

Hoje fui à máquina tentar levantar cheques. Não consegui. Fui então ao balcão pedir os ditos cheques e sou informada que a minha conta não tem movimentação que justifique o pedido e, portanto, era impossível resolver o meu problema.

Perguntei o que queriam dizer com isso de não ter movimentação uma vez que é a minha única conta.... Movimentação, neste caso, queria dizer depósitos e isso era uma coisa que eu também gostava de ver crescer juntamente com a minha conta bancária...Oh vida....

sinto-me:
publicado por Lacra às 14:27

27.04.09

 Como um azar nunca vem só, agora foi a caldeira que avariou e de todas as avarias que podia ter, aquela é a uma das que não vem especificadas no manual de instruções....

O pior de tudo é que a caldeira esteve todo o dia a funcionar perfeitamente: limpei a casa, tomei baninho de água quentinha e quando me preparo para fazer o jantar, nada! Fui verificar e aparecia no painel o sinal de avaria e o número dois. Tratei logo de contactar a assistência técnica por mail. Claro que ainda não responderam! Depois de muitos contactos telefónicos, lá consegui o número de um assistente em Bragança e eis a resposta: amanhã vai lá um técnico compor isso. 

Amanhã a que horas?, perguntei eu.

A uma hora qualquer, responderam.

A uma hora qualquer não sei se está alguém em casa, respondi eu.

Lá para a tarde, responderam.

Lá para a tarde mas a que horas? Às 14h30, depois das seis? Preciso de água quente para tomar banho!, respondi eu.

Não se preocupe que alguém liga, responderam eles....

 

Eu às vezes tenho a sensação que só lido com loucos e incompetentes. Ou então devo ser eu que ainda moro noutro planeta e tenho dificuldades em descer à Terra.... Irra como é difícil viver nesta cidade! O que vale é que as piscinas são aquecidas e sempre dá para ir lá tomar um banho....

 

publicado por Lacra às 16:25

26.04.09

Uma completa confusão: é assim a minha vida. Estou com carta suspensa por uma infracção que não cometi e porque só me meto em trapalhadas, sobretudo com a mania de querer ser boa pessoa e não fazer aos outros aquilo que não gostava que me fizessem.

Estou sem dinheiro na conta porque o gajo que tratava da minha conta bancária desapareceu e a nova funcionária em vez de me ajudar só me complica a vida. Como estou nas lonas há mais de uma semana e sem cartão de crédito por ter caído numa burla estúpida, resolvi pedir um novo cartão, só mesmo para desenrascar. O cartão veio com metade do saldo e o código ainda estou à espera...  Paguei uma conta duas vezes, tive de pedir o reembolso e passado uma semana continuo a arder 50 euros. Depositei um cheque mas como era de outro banco, só segunda-feira.

Com as trapalhadas todas fiquei com 2.37 cêntimos na conta, o que nem sequer dá para uma maço de tabaco e NÃO, NÃO PONDERO DEIXAR DE FUMAR. Aliás, pelo contrário, pondero até tornar-me uma junkie e agarrar-me a uma droga qualquer!

publicado por Lacra às 13:44

22.04.09

 Dizem que as despedidas são mais duras para quem parte do que para quem fica. Concordo plenamente. Se calhar não foi a melhor colega de trabalho que se pode ter, talvez não tenha sido também uma grande amiga. É o meu feitio e defeito este de colocar uma espécie de armadura que me torne intocável, inacessível, inquebrável. Apesar de tudo tenho de concordar quando aquela voz que temos cá dentro me diz que não consigo ser assim, porque eu não sou assim embora também não saiba muito bem como sou, quem quero ser ou quem sou.

Já sabia antecipadamente da partida. Mas fui adiando o mentalizar da mesma. Pensei no que sentiria se fosse eu, será que ia mesmo gostar?

Vê-la ir embora foi o que custou mais. Foi o constatar da realidade. Nunca mais ela vai aqui entrar para se sentar ao meu lado, como colega de trabalho. Essa foi uma etapa que chegou ao fim e constatar isso fez-me chorar. Podem ter sido muitos os maus momentos que aqui passamos e até tivemos as nossas zangas, no entanto, todos esses momentos teriam sido muito piores se ela não estivesse aqui. Pelo menos sei que ganhei uma amiga e isso já é consolo bastante nos dias que correm.

 

 

publicado por Lacra às 15:12

18.04.09

Que dizer sobre o que sentimos quando são os outros a viver os nossos sonhos? Não sei.

Que dizer quando não sabemos quem somos ou sequer o que queremos?

Eu não sou um, sou vários também. Só não tenho é o dom que tinha o Fernando Pessoa.....

sinto-me: esquizofrenica
publicado por Lacra às 20:31

17.04.09

 

A dona-de-casa britânica Susan Boyle, de 47 anos, tornou-se famosa de um momento para o outro graças à passagem na internet da sua participação no concurso televisivo 'Britain's Got Talent', onde surpreendeu os jurados com a interpretação de 'I Dreamed a Dream', tema do musical 'Les Miserables'.

Com uma idade e um visual muito diferentes dos típicos participantes dos concursos de talentos, Susan Boyle deixou quase sem palavras o júri liderado pelo norte-americano Simon Cowell e os vídeos da sua actuação já foram visto dezenas de milhões de vezes no YouTube.

Susan Boyle confessou que sonha tornar-se uma cantora profissional, apontando como exemplo Elaine Paige, um das principais vozes dos musicais britânicos, e a sua história conquistou de imediato figuras do 'show business' norte-americano. A actriz Demi Moore revelou que se comoveu ao ouvi-la cantar e Oprah Winfrey terá convidado a britânica para o seu programa.

A desempregada com excesso de peso e roupa fora de moda tornou-se igualmente a favorita para a vitória final no concurso 'Britain's Got Talent'.


16.04.09

Já alguma vez pensaste

que é bom ter olhos

para ver o mundo

 

e ouvidos

para ouvir os outros

 

 

 

 

e boca

para dizer tudo aquilo

que dizemos

 

e pernas

para nos levar

onde somos precisos

 e mãos

para ajudar

os que delas precisam

 

e braços

para estreitar os outros

num abraço

 

e ombros

para que alguém neles

 

 recline a cabeça fatigada

 

e cérebro

para pensar em ajudar os outros

 

e coração

para sentir as coisas

que nem sempre compreendemos

imediatamente.

 

 

 

Já alguma vez pensaste

como tudo isto é maravilhoso?

 

 

 

Leif Kristianson

Já pensaste que∑

Lisboa, Editorial Presença, 1981

 

publicado por Lacra às 11:31

11.04.09

 

 

  • Ingredientes para a massa :
  • 1 xícara (chá) de água
  • 3 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 1/4 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 colher (chá) de açúcar
  • 1 colher (café) de sal
  • 4 ovos

     

     

     

    Como fazer:

    1. Coloque a água, a manteiga, o açúcar e o sal numa panela média, leve ao fogo baixo
    2. Misture bem até ferver
    3. Retire do fogo, acrescente toda a farinha de uma vez
    4. Mexa com uma colher
    5. Volte a panela, com a massa, ao fogo baixo novamente, mexendo sempre, por 5 minutos
    6. Retire do fogo e transfira a massa para a batedeira
    7. Bata em velocidade alta por 3 minutos
    8. Acrescente os ovos, um a um, esperando 30 segundos entre cada adição (este processo é importante para que a massa não talhe)
    9. Retire a massa da batedeira e coloque dentro de um saco de confeitar com bico liso
    10. Unte uma assadeira com manteiga e farinha
    11. Aperte o saco de confeitar sobre a assadeira, formando bolinhas
    12. Deixe um espaço entre as bolinhas
    13. Leve ao forno pré-aquecido e asse até que comecem a dourar
    14. Verifique com um palito se o interior das bolinhas está cozido
    15. Retire do forno e reserve

    Creme de pasteleiro

    500 grs ( água + leite) 1/2--1/2
    150 grs de açúcar
    75 grs de farinha s/fermento
    2 gemas
    2 ovos
    limão ou baunilha q.b.
    1 noz de manteiga

     

    PREPARAÇÃO:

    Juntar muito bem a seco açúcar e farinha juntar os ovos e as gemas mexer bem.
    Levar o leite e água ao lume com a noz de manteiga e aroma deixar ferver, juntar á mistura mexendo sempre, leve ao lume mexendo sempre com umas varinhas para não queimar o fundo.
    Quando começar a borbulhar (ferver) retire do lume e coloque num recepiente para arrefecer.

     

    Atenção que é preciso mexer muito e esperar que o creme vá ganhando alguma cor. Não retirar enquanto parecer creme de pudim! depois é só fazer  o molho de chocolate e deitar por cima:)

     

    O grande prazer de fazer esta receita é ter o prazer de ver os outros deliciarem-se:)


  • Conversas do meu amigo imaginário
    Abril 2009
    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab

    1
    2
    3
    4

    5
    6
    7
    8
    9
    10

    12
    13
    14
    15

    19
    20
    21
    23
    24
    25

    29


    arquivos
    2012:

     1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


    2011:

     1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


    2010:

     1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


    2009:

     1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


    pesquisar
     
    subscrever feeds
    Obrigado pela visita!
    blogs SAPO