02.10.12

Junkies de todo o mundo, uni-vos!

 

E juntai-vos a mim,

 

para que eu não me sinta tão só.

 

Num mundo pré-formatado,

 

quadrado,

 

doente.

 

Uni-vos para que sejamos mais

 

a contrariar a ordem

 

aparente,

 

caótica.

 

Sem rumo,

 

assim me sinto tantas vezes,

 

perdida num labirinto de regras e imposições.

 

Voar

 

sem asas

 

é possível,

 

sem sair do lugar.

 

Num instante que dura minutos,

 

horas.

 

A divagar,

 

a rir,

 

a reflectir o mundo.

 

O caos,

 

a desordem,

 

o mal.

 

Do alto do meu palanque,

 

com todo orgulho vos digo,

 

não há nada melhor

 

que só olhar para o meu umbigo!

 

E as pedradas que apanho

 

todos os dias,

 

sem excepção,

 

só me fazem voltar

 

para mais uma vez me negar

 

a esse papel de carneiro.

 

Numa viagem sem volta,

 

para lá deste pequeno Portugal,

 

curo a minha revolta

 

indo às raízes ancestrais

 

de uma planta

 

que sem mal algum

 

se encontra vedada aos mortais

publicado por Lacra às 22:15

Conversas do meu amigo imaginário
Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


arquivos
2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
Obrigado pela visita!
blogs SAPO