30.04.09

Cheguei ao ponto em que nem palavras mais tenho para poder dizer aquilo que vai dentro de mim. Analisando os últimos quatros anos da minha vida, a sensação que tenho é que deixei de viver. Dei demais a um trabalho e a um projecto em que me envolvi como se fosse meu e claro que o resultado foi mau, péssimo, nada do esperado. Acreditei em pessoas que apenas mentiram. Vi amigos partir. Vou despedindo de outros que começam também a desertar. Olho à minha volta e parece que nada do que faço resulta bem. A minha própria relação deixa transparecer isso: o resultado do eu tentar dar o melhor de mim é ele sentir-se pressionado e achar que talvez o queira moldar e tornar noutra pessoa que eu também não sei quem é porque não era nada disso nem eu nunca quis moldar ou pressionar ninguém.

Os meus amigos.............................................Os meus amigos? Sobre isso é melhor nem falar porque sobram-me dedos para contar os amigos e ainda me sobram mais para contar os que por aqui ficaram.

Só queria viver em paz e ser feliz. Só queria que as pessoas deixassem de ser mesquinhas e preocupadas com assuntos menores. Só queria acordar num outro mundo que não este....

publicado por Lacra às 15:00

Acho que sei como te sentes.
Pelo menos na parte dos amigos. E do emprego =(
Boneca de trapos a 1 de Maio de 2009 às 17:49

Conversas do meu amigo imaginário
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15

19
20
21
23
24
25

29


arquivos
2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
Obrigado pela visita!
blogs SAPO